Orientadora de trânsito assassinada pelo ex-marido será sepultada nesta sexta-feira no Cemitério de Maricá

A orientadora de trânsito Bruna Lopes, de 31 anos, assassinada pelo ex-marido em Rio do Ouro, Niterói, nesta quinta-feira (13), será sepultado no Cemitério Municipal de Maricá nesta sexta-feira, às 15h.

A mulher foi na casa do ex-companheiro para pegar alguns objetos. Na residência, a mulher foi baleada duas vezes pelo acusado, mas conseguiu fugir.

O homem seguiu a mulher e conseguiu alcançá-la em uma escadaria do bairro. No local, o acusado efetuou vários golpes com uma madeira, fugindo do local. A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu no local. 

Nas redes sociais, familiares e amigos lamentaram a morte de Bruna e pontuaram que a mulher era de bem.

O caso que chocou o país é tratado como Feminicídio pela Delegacia Especializada. 

Haroldo, autor do homicídio, morreu no Hospital Getúlio Vargas após se suicidar na Ponte Rio Niterói. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Conteúdo protegido!