JOVEM DÁ A LUZ E ARREMESSA A FILHA DO 10º ANDAR

Uma criança recém-nascida foi encontrada morta no parquinho de um prédio, na última sexta-feira (7), após ser jogada pela própria mãe do 10º andar, no bairro Vila Ema, em São Paulo.

De acordo com informações da polícia, a mãe da criança, uma estudante de direito de 18 anos, teve a filha prematura de 7 meses. À polícia, a jovem contou que a gravidez era indesejada e que tentou esconder de sua família. Logo após ela entrar em trabalho de parto e ter o filho em casa, ela arremessou a criança, que caiu no parquinho do prédio vizinho de onde a mulher morava.

A Polícia Civil de São Paulo investiga para saber se a criança morreu após cair do prédio, quando nasceu e bateu com a cabeça ou se ela já nasceu morta.

A mãe da criança, que está internada, será interrogada e deve permanecer detida. Segunda a polícia, ela vai responder por homicídio doloso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.