ATUALIDADESBAIRROSPOLÍTICA

MINISTÉRIO PÚBLICO INVESTIGA POSSÍVEL ENRIQUECIMENTO ILÍCITO DO DEPUTADO ESTADUAL RENATO MACHADO

O deputado estadual Renato Machado (PT) está sendo investigado por supostos crimes envolvendo enriquecimento ilícito e desvio de verbas públicas durante sua gestão como presidente da SOMAR em Maricá.

De acordo com as investigações divulgadas pela TV Globo Rio, o deputado teria comprado terrenos em bairros desvalorizados, realizado melhorias nesses locais para valorizá-los e depois vendido os imóveis por um valor muito acima do que havia pago inicialmente.

Um exemplo citado é o caso de um terreno do deputado que foi vendido para a Prefeitura de Maricá por mais de 1,2 milhões de reais, sendo que o imóvel teria sido avaliado em apenas 500 mil reais. Segundo a reportagem, parte desse dinheiro teria sido depositado na conta de um primo do deputado e posteriormente transferido para a conta de Renato Machado.

As autoridades estão acusando o deputado pelos crimes de peculato (desvio de dinheiro público) e improbidade administrativa. A Polícia Civil também o aponta como suposto chefe de uma quadrilha criminosa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo protegido!